Canção (Poesia)

Minha morte já foi anunciada há muito tempo Ainda estou no jogo por pura sorte Deixa eu me concentrar um pouco mais, essa insônia está me maltratando Sigo cantando e escrevendo de graça, isso não te deixou sem graça. Pensei em varias situações, milhares de confusões, confissões Foram varias lagrimas despejadas na carta Em umContinuar lendo “Canção (Poesia)”