Solitário

Você sabe que está tudo escuro por aí e tem medo dessa chama te consumir
Você se projeta para sumir, por isso só quer dormir
Se você deixar… Eles vão escapar
E ninguém vai te abraçar…
A solidão sempre foi sombria, via isso em cada linha
A culpa sempre foi uma má vizinha, tenho medo de não chegar aos 30.
Sua lágrima não tem esperança, incapaz de virar a página
Querido alienígena, aqui dentro está cinza.
Me dê as vitaminas, espalhe qualquer notícia
Diz que me mudei pra bem longe, não quero nenhum satélite ou flashes
Minha mente sempre me desfavorece…
Pode ser uma lembrança não resolvida
Ou o pagamento de uma dívida?
Mais uma noite sombria é tudo que me resta…
Pode ser questão de perspectiva: essas imagens na cabeça não são saudáveis.
Pode ser falta do sentimento: pinte um quadro minimalista e tudo ficará bem.
Pode ser falta do amor próprio: mais um problema de estar sóbrio.
Sou tão abstrato e não sei mais o que sou
Sou tão fechado e não sei mais quem me amou
Sou tão poético que acabo ficando solitário
Sou tão solitário… Como o meu coração ficou amargo?

Obrigado pela leitura! 💛


Solitário de Kauê olah Lopes está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Publicado por Kaue olah Lopes

Compositor /Poeta 🦋✍🏼 ♿️22 anos 📚Jornalismo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: